"MY ASIAN MOVIES"マイアジアンムービース - UM BLOGUE MADEIRENSE DEDICADO AO CINEMA ASIÁTICO E AFINS!!!

terça-feira, abril 25, 2006

O Tigre e o Dragão/Crouching Tiger Hidden Dragon/Wo hu cang long (2000)
Origem: China/Hong Kong/Taiwan/E.U.A.
Duração: 115 minutos
Realizador: Ang Lee
Com: Chow Yun Fat, Michelle Yeoh, Zhang Ziyi, Chang Chen, Lung Sihung, Cheng Pei Pei, Li Fa Zeng, Gao Xian, Hai Yan, Wang De Ming

"Luta na floresta de bambú"

Estória

Baseado numa novela do século XX, escrita pelo popular escritor chinês Wang Du Lu, a estória do "Tigre eo Dragão" passa-se na altura dinastia Qin, e envolve "Li Mu Bai", um quase invencível espadachim e praticante da disciplina conhecida como "Wudan", a guerreira e mulher independente "Yu Shu Lien", que mantém um romance platónico com "Li Mu Bai", a poderosa mas inocente e mimada "Jiao Long", e o salteador mongol do deserto "Lo Nuvem Negra".

Cansado de uma vida de quase ascetismo e luta, para além do falhanço em vingar o assassinato do seu mestre às mãos da assassina "Raposa de Jade", "Li Mu Bai" pretende levar uma vida mais simples, e se possível finalmente declarar o seu amor de anos a "Yu Shu Lien". Para tanto, entrega a sua fabulosa espada conhecida como "destino verde", ao senhor "Te", um amigo de longa data que vive em Pequim.

Entretanto, chega à capital imperial, o novo governador "Yu", acompanhado da mulher e da filha. "Yu" vai apresentar-se formalmente ao senhor "Te", e "Yu Shu Lien", que pernoitava na casa deste personagem na altura, tem a possibilidade de travar conhecimento com a filha de "Yu", uma jovem e bela rapariga chamada "Jiao Long".

Posteriormente, a "destino verde" é furtada, "Li Mu Bai" chega a Pequim, e quando toma conhecimento do sucedido, suspeita logo que a sua inimiga de longa data, a "Raposa de Jade", está por detrás do sucedido. Não acerta totalmente, pois vem-se a descobrir que na realidade quem levou a espada foi "Jiao Long", em conivência com "Raposa de Jade", que agora se encontrava disfarçada de dama de companhia.

"Jiao Long" à procura do que mais anseia descobrir, o submundo de "Jiang Hu". "Li Mu Bai" e "Yu Shu Lien" vão no seu encalço, numa jornada que irá modificar para sempre as suas vidas.

"Li Mu Bai e Yu Shu Lien"

"Review"

Quando se fala no "Tigre e o Dragão", há que ter logo a presença que estamos perante um dos filmes provenientes do continente asiático mais bem sucedidos internacionalmente, conforme comprovam os 4 óscares atribuídos, para além dos mais de 70 prémios ganhos em certames e festivais de cinema, num universo de 84 nomeações. Um excelente cartão de visita, convenhamos. Merecido, sem dúvida.

Ao visionar o filme, uma das primeiras coisas que salta logo à vista é o contraste existente entre "Yu Shu Lien" e "Jiao Long", nomeadamente a nível das suas ambições. Cada uma é prisioneira de um estilo de vida que odeia e cada uma ambiciona ter o estilo de vida da outra. Acho que mais simples é impossível de explicar. Veja-se "Yu Shu Lien" que daria tudo para ter uma vida pacata, envolvendo o casamento e maternidade, de preferência com "Li Mu Bai"; "Jiao Long", por seu lado, fruto da rebeldia própria da juventude conjugada com a excessiva protecção dos pais, anseia por "se fazer à estrada", viver emocionantes e perigosas aventuras, o que dá umas valentes dores de cabeça ao seu apaixonado, o mongol "Nuvem Negra", disposto a deixar a sua vida de salteador, por forma a constituir um homem à altura do estatuto da amada.

Comentário lateral: Mas onde é que eu já vi estórias parecidas no meu quotidiano, tirando claro está as espadas, os voos sobrenaturais, etc...?

"Li Mu Bai" por sua vez representa a ética personificada, um homem que apesar de ser o ideal da nobreza de carácter, não é feliz devido ao permanente conflito entre o sincero amor que nutre por "Yu Shu Lien" e a honra que comanda a sua vida.

O filme é determinantemente marcado pelas cenas de acção da responsabilidade do lendário Yuen Wo Ping, coreógrafo de imensas películas de "Wuxia Pien" e do "blockbuster" "The Matrix".

Para o espectador que não está habituado à cinematografia oriental, nomeadamente os filmes de artes marciais, fica deslumbrado pela positiva quando aprecia os voos e as planagens efectuadas pelas personagens deste filme. Mas isto apenas acontece por desconhecimento, pois trata-se de uma técnica que é usada há muitos anos nos filmes de Hong Kong, e que foi aprimorada de uma forma bastante positiva em "O Tigre e o Dragão".

Agora dirijo-me aqueles que criticaram negativamente as aludidas cenas, a maior parte das vezes por franca ignorância. Meus caros, é preciso ter presente que estes filmes são baseados em lendas ou romances! Além disso é preciso ter presente que o conceito de herói varia de povo para povo, e é necessário conhecer um pouco da cultura asiática, e da chinesa em particular, para apreender e aprender melhor este aspecto. Partindo destes pressupostos, de uma mente aberta, de alguma pesquisa e leitura, verão como será mais fácil conviver com este género de acção e apreciar a beleza inerente à mesma.

"A paixão de Jiao Long e Lo Nuvem Negra"

Este filme tem o segundo melhor final que já vi, sendo apenas ultrapassado por uma película que em absoluto não partilha o género. Falo de "Cinema Paraíso". Os trágicos-românticos com certeza não se irão arrepender do seu visionamento. Outra cena que faz chorar as pedras da calçada é a frase emblemática desta película proferida por "Li Mu Bai" quando finalmente se declara a "Yu Shu Lien": "I would rather be a ghost drifting by your side as a condemned soul than enter heaven without you...because of your love, I will never be a lonely spirit." Um momento único da sétima arte, de fazer chorar as pedras da calçada!!!

A banda-sonora é do melhor que já se fez a este nível e que em muito contribui o toque mágico do violoncelo de Yo-Yo Ma. Aprecio em especial a música "Farewell", que se ouve quase no fim do filme, numa altura em que "Jiao Long" e "Nuvem Negra" estão a falar numa ponte situada num mosteiro nas montanhas de "Wudan".

Aconselho a todas as pessoas que queiram se iniciar por este género de cinema, a visionar em primeira linha "O Tigre e o Dragão". O senão é que, à excepção de "Herói", as outras referências do género não possuem a mesma qualidade.

Ang Lee, o realizador muito em voga devido a "Brokeback Mountain", confessou que realizou o seu sonho de criança quando realizou "O Tigre e o Dragão". Quanto a mim, atingiu o expoente máximo da sua carreira.

Um hino ao amor e à beleza, mas acima de tudo um ícone do verdadeiro bom cinema. Maravilhoso!!!

"Aquela cena...I would rather be a ghost drifting by your side as a condemned soul than enter heaven without you... because of your love, I will never be a lonely spirit"

Trailer, The Internet Movie Database (IMDb) link

Outras críticas em português/espanhol:

Avaliação:

Entretenimento - 8

Interpretação - 9

Argumento - 8

Guarda-roupa e adereços - 8

Banda-sonora - 10

Emotividade - 10

Mérito artístico - 10

Gosto pessoal do "M.A.M." - 10

Classificação final: 9,13

"Jiao Long ao encontro da satisfação do seu desejo mais íntimo...



...Farewell"






















































11 comentários:

RodCosta disse...

Caro amigo, vi o "Tigre e o Dragão" e devo dizer que o detestei ! :) Sorry! Mas também fui contrariado.
Mas tudo aquilo fazia-me confusão:
os nomes e as caras pareciam-me todos iguais! Mas admito que as coreografias das lutas (como os asiáticos ninguém sabe melhor) e a cinematografia eram de qualidade!
Tens que me explicar o filme! LOL

Anónimo disse...

Taí um mau apreciador do cinema asiático. Era melhor você ficar quieto no seu canto do que vir postar um ridículo comentário destes. Você deve ser um daqueles patéticos espectadores que corre para o cinema quando há boas críticas, só porque é chique...

Shinobi disse...

Caro anónimo, tenha calma!

Eu também não concordo nada com a opinião do Rodcosta, mas tenho que a respeitar.

Pessoalmente, conheço-o bem e posso assegurar que ele é um cinéfilo inveterado. Simplesmente não é virado para o cinema asiático em geral e para "O Tigre e o Dragão" em particular.

Espero que tenha gostado do blogue, e já agora agradecia que se identificasse nas próximas mensagens.

Abraço!

Ernesto Pereira disse...

Achei esse filme incrível! Das lutas a fotografia nota 10! Abraços

Shinobi disse...

É sem dúvida das melhores obras asiáticas jamais feitas, e merece um honroso 2º lugar no top 20 do blog!

Abraço!!!

Roberto F. A. Simões disse...

'O Tigre e o Dragão' é o grande bailado da espada e do espírito. Mergulhado no mais puro romantismo e genuinamente arquitectado pela inspiração do mestre, serve-se da subtileza e da mais refinada elegância para filmar um irretocável misto de beleza, poesia e fascínio.

Vi o filme recentemente e também já fiz a minha crítica. Estamos absolutamente de acordo quanto ao filme de Ang Lee. 5*

Cumps.
Roberto Simões
CINEROAD - A Estrada do Cinema

Jorge Soares Aka Shinobi disse...

Olá, Roberto!

É um filme absolutamente fabuloso em todos os aspectos! Do melhor que o cinema asiático, e global, tem para dar! Vê "Herói" também!

Abraço!

Liaoyuan Huo disse...

Filme ridículo, não daria um 2 em argumentação.. enredo péssimo. bem, não posso reclamar da crítica de alguém que coloca ' Guarda-roupa e adereços ' como um ponto chave para avaliação de um filme.

Jorge Soares Aka Shinobi disse...

Olá, Liaoyuan Huo!

É uma opinião válida, como qualquer outra que aqui coloco e que aprecio, quer seja positiva, quer negativa, desde que se mantenha nos limites da boa educação.
"O Tigre e o Dragão", na minha opinião, é globalmente uma excelente obra de cinema. O seu argumento é muito bom, típico de uma obra de wuxia.

Quanto ao facto de eu eleger o guarda-roupa e adereços como critério chave para análise dos filmes, trata-se de uma opção, como outra qualquer. Entendo-a legítima, pois o item em causa contribui, entre muitos outros, para a qualidade de um filme. Não sou só eu que penso assim. Igualmente, em muitos festivais e certames de cinema, este item é valorizado. Acresce que os critérios expostos nivelam-se uns aos outros.

Cumprimentos.

Dadang Nos disse...

Crouching Tiger, Hidden Dragon: Sword of Destiny (2016) Stream free
http://kncpro.blogspot.com/2016/02/crouching-tiger-hidden-dragon-sword-of.html?m=1

Dadang Nos disse...

Crouching Tiger, Hidden Dragon: Sword of Destiny (2016) Stream free
http://kncpro.blogspot.com/2016/02/crouching-tiger-hidden-dragon-sword-of.html?m=1