"MY ASIAN MOVIES"マイアジアンムービース - UM BLOGUE MADEIRENSE DEDICADO AO CINEMA ASIÁTICO E AFINS!!!

domingo, novembro 02, 2008

Realizador Asiático Preferido - Votação

Apresento-vos mais um realizador asiático, sujeito ao vosso escrutínio no quadro de votações mais abaixo à direita. Não custa relembrar que podem escolher mais do que uma opção, antes de clicarem e submeterem o(s) vosso(s) voto(s). Igualmente podem sugerir outros nomes para serem postos a votação.
Hou Hsiao Hsien

Informação

Filmografia enquanto realizadores (caso exista alguma crítica, o título estará assinalado a cor vermelha. Para aceder ao texto , basta clicar):

  1. Cute Girl (1980)
  2. Blind of Love (1981)
  3. The Green, Green Grass of Home (1983)
  4. All the Youthful Days (1983)
  5. The Sandwich Man (1983)
  6. A Summer at Grandpa's (1984)
  7. A Time to Live, a Time to Die (1985)
  8. Dust in the Wind (1986)
  9. Daughter of the Nile (1987)
  10. A City of Sadness (1989)
  11. In the Hands of a Puppet Master (1993)
  12. Good Men, Good Women (1995)
  13. Goodbye South, Goodbye (1996)
  14. Flowers of Shanghai (1998)
  15. Café Lumiére (2003)
  16. Three Times (2005)
  17. Flight of the Red Balloon (2007)
  18. Chacun son cinéma - segmento The Electric Princess House (2007)

5 comentários:

Joana Carvalho disse...

O meu sincero obrigada pela sua visita, e palavras deixadas no meu blog...e claro, por ter adicionado o meu blog, na sua lista de blogues madeirenses.
OBRIGADA!
Com os melhores cumprimentos, Joana Carvalho

Shinobi disse...

Ora essa, Joana!

Apareça por cá mais vezes!

Beijinho!

tf10 disse...

Eu acho que já aqui tinha exaltado o grande Hsiao-hsien mas nunca é demais fazê-lo! Para mim, um dos mais singulares realizadores que conheço, não só pela forma como a sua obra conjuga de forma brilhante o olhar mais individual com a memória colectiva (histórica) do seu país mas também pelo seu estilo minimal muito próprio, de longos planos-sequência, com uma camâra contemplativa que observa os seus personagens e uma acção intimista que muitas vezes transpõe o próprio enquadramento! Além disso, o seu hipnotizante estilo narrativo é verdadeiramente notável, particularmente no uso das elipses que tornam os seus filmes ainda mais fascinantes, ainda que isso possa implicar um "trabalho" adicional para o espectador!
Nos 80´s "The Green, Green Grass of Home" é ainda um filme longe do seu génio autoral apesar de uma divertida e castiça história. Conseguiu muito melhores resultados com outro filme onde as crianças são também protagonistas nesse seu belíssimo "A Summer at Grandpa's". Mas ainda em 83 sai-se com um dos meus favoritos e dos melhores filmes dessa década para ele "The Boys from Fengkuei" num dos vários nostálgicos retratos da juventude Taiwanesa. Esse foi para mim aquilo que "Dust in the Wind" não conseguiu ser! Mas desses olhares melancólicos, "The Time to Live and the Time to Die" é o meu favorito e a sua absoluta obra-prima da década de 80! (ai aquela sequência final!)
O sombrio "Daughter of the Nile" foi uma preparação para mais algumas grandiosas obras que estavam para vir! A começar logo pela sua imponente trilogia dedicada a Taiwan com "City of Sadness"; "The Puppetmaster"; "Good Men, Good Women" e sem descuidar a grandeza do primeiro, pessoalmente os outros 2 são dos meus preferidos! Com Puppetmaster eu ficaria, para meu deleite, a ouvir as histórias do "velho mestre de marionetas" horas a fio e o último é HHH ao mais alto nivel nas suas duas facetas (passado/presente)! Divinal! Ainda na ressaca desse brilhante trabalho já estava a lançar mais um, "Goodbye South, Goodbye" outro dos meus favoritos com mais um olhar contemporâneo sobre a juventude perdida e alienada. (aquela sequência das motas é das coisas mais libertadoras que há memória! lindo!) "Flowers of Shanghai" é HHH levado ao extremo, todo filmado indoor, à luz da vela, num conjunto de "quadros" (com aqueles fade-outs) cuidadosamente trabalhados que resultam numa peça de puro artesanato! Uma verdadeira filigrana cinematográfica! "Millennium Mambo" outro belo retrato "Hsiao Hsianico" ainda assim sem o brilhantismo de obras anteriores. "Café Lumière", quem melhor para uma homenagem a Ozu? Além de buscas similares por uma "realidade filmica", ele é também - fruto das suas vivências - um realizador algo "Japonês" e isso ficou bem visivel no alto grau de pureza que o filme possui! E a finalizar, "Three Times" um dos meus filmes favoritos de 2005! 3 histórias, 3 tempos, 3 vezes Hou Hsiao-hsien.......um verdadeiro compêndio do realizador!
E assim com 3 H´s apenas se escreve uma das mais preciosas obras cinematográficas e um dos mais importantes autores do cinema contemporâneo! HHH!

p.s. A câmara de HHH em 4 minutos: Chacun son cinéma (segmento The Electric Princess House):

http://www.guba.com/watch/3000056341?duration_step=0&fields=23&filter_tiny=0&pp=40&query=Hsiao%20hsien&sb=10&set=-1&sf=0&size_step=0&o=0&sample=1225727104:0a1bc8fc602f05323dafbdecbcdcd0cb9388f761

Miguel Patrício disse...

Completa retrospectiva em poucas palavras da obra de um autor difícil, mas recompensador!
Depois disto, sobre Hou Hsiao Hsien resta-me:

Top 3 Hou Hsiao Hsien:
1 - A time to Live a time to Die (ai, ai, aquele sequência final, tf10!!!! )
2 - The Puppetmaster
3 - Three Times

Shinobi disse...

Trata-se de um realizador que preciso de descobrir mais obras urgentemente, embora das poucas que eu vi não tenha ficado bastante impressionado. Embora reconheça os seus méritos técnicos, claro está!

Abraço aos dois e já agora tf10, agradecido pelo link!